Novo filme de Nanni Moretti em exibição no Cine Clube de Viseu

O realizador italiano, autor de clássicos como Palombella Rossa (1989), O Quarto do Filho (2001) e Habemus Papam – Temos Papa (2011), regressa à sala de cinema com Santiago, Itália (2018). O filme será exibido hoje pelo Cine Clube de Viseu.

O novo filme dá conta dos eventos de 11 de Setembro 1973, quando um Golpe de Estado no Chile derrubou o regime democrático de Salvador Allende e impôs o general Pinochet na presidência, com o apoio militar e financeiro do governo dos Estados Unidos. Em resposta, a embaixada de Itália em Santiago, Chile, abre as portas aos perseguidos pela Junta Militar de Pinochet, dando asilo a centenas de refugiados. Nanni Moretti retrata este período recorrendo a imagens de arquivo e entrevistas com alguns dos seus protagonistas.

O filme assume uma perspectiva assumidamente parcial, declarando o realizador que “nunca serei imparcial tendo os torturadores num lado e as vítimas noutro”. Santiago, Itália venceu o Prémio David di Donatello para Melhor Documentário de 2018, e representa o regresso do realizador ao documentário de longa-metragem pela primeira vez desde La Cosa (1990), trabalho sobre o Partido Comunista Italiano, que então atravessava um período de renovação.

Depois de uma paragem de Janeiro a Agosto, as sessões do Cine Clube no Auditório IPDJ retomaram a 10 de Setembro, agora com duas sessões semanais de cinema, às terças e quintas-feiras às 21h30. Durante este mês, as terças são dedicadas a clássicos de Luis Buñuel, realizador espanhol e um dos grandes nomes da história do cinema. Às quintas, são recuperados filmes contemporâneos que não tiveram estreia em sala em Viseu. Mantém-se o fio condutor, abrindo o acesso aos filmes normalmente arredados do circuito comercial, com projecção em grande ecrã, e pelo valor mais económico possível. Os jovens até 18 anos têm entrada livre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *